Latest News

A realidade não comentada e a grande pergunta: Por que o Facebook comprou o Whatsapp?

Por qual motivo o Facebook teria interesses em comprar um aplicativo tão simples ?


  • O Facebook poderia ter simplesmente criado um aplicativo simples e semelhante?
  • Poderia criar um aplicativo como o messenger só que com  números de celulares?
  • Poderia obrigar os usuários a baixarem um aplicativo semelhante na hora que atualizassem o Facebook no Android.
Muitas eram as opções para p Facebook. Mais a grande questão veio de planilhas. Economistas e Administradores do Play Store provavelmente viram o enorme potencial e o crescimento exacerbado do Whatsapp e, de alguma forma, esses dados chegaram na mão dos Executivos do Facebook.


Existem alguns aplicativos no Android que se não for atualizado, eles simplesmente deixam de existir. Esse é um fato muito importante para a decisão dessa compra do WhatsApp pelo Facebook.

- Por qual razão?

Vamos analizar duas questões:

  1. A atualização de aplicativos.
  2. A Capacidade de se colocar novas funções nesses aplicativos
  3. O relatório de números de quantas vezes o aplicativo foi baixado e o tempo de uso por usuário.

A partir desses dados pode-se tirar algumas conclusões. Um aplicativo com o decorrer do tempo pode ter novas funcionalidades. Graças à internet e os progressos da programação, Os programadores tem dados minuciosos e detalhados sobre os usuários dos seus aplicativos, como a quantidade de downloads e o tempo de uso por exemplo.

Abaixo um gráfico de Downloads e uma relação entre os dois Aplicativos:

Em 2013 os dois quase se igualam. O Facebook então, viu que o Whatsapp poderia se tornar um "Facebook", pois o número de downloados do aplicativo era tão grande e os números não paravam de crescer a cada dia. Visto que apenas algumas atualizações já poderiam ser inseridas as funções básicas do Facebook: as postagens públicas básicas para uma rede de amigos.

Dentro desse grande concorrente em potencial crescendo desordenadamente, podendo atrair o interesse de grandes investidores e causar muitos problemas, o Facebook compra o aplicativo por $16.000.000,00 (dezesseis bilhões de dólares) e hoje ainda é o Site e a rede social mais visitada do planeta. 

Como diria o velho ditado brasileiro "Arrancaram o mal pela raiz". O fato do FB comprar o aplicativo foi de grande vantagem para os usuários pois a promessa de que não haveria propaganda foi mantida e a cada atualização, o programa tem se tornado cada vez melhor.

Postado por: Maiquel Verbaccione

InBrand - Agência de Propaganda, Arte e Fotografia - São Gonçalo - RJ - Brasil | contato@inbrand.net.br | Copyright © 2016 | www.inbrand.net.br | In partnership with Templateism Califórnia - USA Templateism.com

Imagens de tema por Bim. Tecnologia do Blogger.